Por Jussara Maturo As importações têxteis brasileiras aumentaram, alcançando o pico do ano em setembro, quando somaram US$ 489,75 milhões, representando avanço de 6% sobre agosto. Um dos principais gatilhos para esse crescimento foram os importados chineses, que totalizaram US$ 274,65 milhões, expansão de praticamente 13% em relação ao mês anterior. Do volume total chinês, US$ 76,18 milhões correspondem a roupas, mostram os dados computados pelo ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. Como em agosto, as exportações também aumentaram…